press to zoom

press to zoom
1/1

press to zoom

press to zoom
1/1

Motetos para Chomsky, 2016
Galeria do Instituto de Artes da Unesp-SP
William Osório (baixo) e Miguel Egwuagu (barítono)da Academia de Ópera Theatro São Pedro e Ricardo Abraão (tenor).

Notícias sobre um mesmo tema tiradas de diferentes fontes de jornais e revistas que entram em conflito devido à variaçôes de interesses ideológicos de cada fonte. Fazendo um paralelo com a teoria de Noam Chomsky do consenso fabricado, os cantores improvisam com base na técnica, forma e na polifonia de temática e linguística dos motetos da Idade Média e Renascença. A proposição foi executada na ocasião da exposição coletiva Zonas de Compensação 3.0 - GIIP, Unesp, por William Osório (baixo) e Miguel Egwuagu (barítono) da Academia de Ópera Theatro São Pedro, Ricardo Abraão (tenor) Coro da Unesp. Essa peça integrava a obra Três dentro, dois fora de Cadós Sanchez, junto com mais duas performances propostas por ele para o espaço expositivo e dois registros em vídeo de performances dele em espaços públicos. As interferências sonoras das obras de outros artístas da exposição podem ser escutadas ao fundo, como é o caso de um chocalho de um ritual indígena que resiste initerruptamente durante a performance.